quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

(des) ESPERANÇA em 2010?

E, por incrível que pareça, janeiro está acabando. Parece que foi ontem que começávamos o ano cheio de esperança, fé e amor. Postei um poeminha do Mario Quintana sobre o "Recomeço" e, sim, achei que tudo melhoraria e se renovaria por si só.
E eu? Bem, comecei a rotina de estágio, casa e cama. Nada muito emocionante se comparado às viagens dos amigos, conhecidos e desconhecidos que, nesse período de férias, devem estar relutantes sobre voltar ou não à rotina.
A questão é: "O que, até agora, tenho feito para que esse ano seja um ano diferente?". A resposta, talvez seja: "(quase) nada". Tá certo que dizem que moramos em um país cujo ano, realmente, só começa depois do carnaval. Tá certo que muitas das atividades que exercerei neste ano nem começaram; e tá certo que estou gostando dessa coisa de voltar do trabalho e ficar à toa, no ócio.
Mas enquanto eu estou aqui acomodado no meu mundinho, muita coisa tem acontecido por aí. Chuvas em excesso têm matado pessoas, a corrupção anda solta mesmo nas câmaras vazias, o terremoto no Haiti e a desolação de um país que não tem por onde se reconstruir mobilizam o mundo.
Às vezes, penso que a esperança de um ano bom é relativa. Não consigo imaginar a dor de quem perdeu alguém querido nas chuvas pelo Brasil ou daqueles que perderam tudo nos terremotos do Haiti. Talvez, a esperança desses já tenha pulado do prédio e já tenha soletrado seu próprio nome: "ES-PE-RAN-ÇA".
O ano só está (re)começando. Tomara, Deus, que de algum modo a esperança não morra aqui já, mas que se multiplique a cada dificuldade. E eu? Mudarei porque tenho esperança.

3 comentários:

Jessica Rodrigues Teixeira disse...

Pois é, o ano começou e 'não começou' aqui pra nós no Brasil.
Quanto a todo resto no mundo, às vezes dá a impressão de que só vai piorar. A nossa parte a gente tem que fazer [se é que fazemos - eu sei que preciso] e mesmo sabendo que o mundo perecerá "a espera ñ pod matar a esperança". Muito bom ter esperança ^^

Vítor Carvalho Ferolla disse...

curti seu blog

Lipito disse...

Oi, muito bom conhecer seu blog.
Escrevi algo bem parecido com esse texto no meu blog, demorei de postar pois tava sem muita inspiração, mas quando li aqui conclui meu pensamento.
Sucesso!